segunda-feira, 6 de outubro de 2014

Selfie na urna, o ápice da alienação!

     Um fato que viralizou em pouco tempo ontem, fruto de uma vaidade pessoal criada recentemente foram as pessoas que tiraram selfies e fotos da tela da urna no momento da votação, inclusive alguns famosos como o ex casseta Hélio de La Peña e a ex-mulher de Caetano Veloso Paula Lavigne, que parecem ter esquecido que isso é crime eleitoral, tendo em vista que na cabine de votação é proibido portar celulares, máquinas fotográficas, filmadoras ou qualquer outro material que possa comprometer o sigilo do voto.
     Entretanto em entrevista dada ontem em Brasilia o ministro Dias Toffoli, presidente do TSE alegou que é impossível controlar todas as seções eleitorais do país e instruiu os eleitores que não façam isso, e com a declaração: - " Não podemos tirar o direito do eleitor de votar." deu a entender que os eleitores que o fizeram não serão presos e nem terão o voto anulado até mesmo porque disse ainda que o mais importante não é evitar o selfie, mas sim o voto comprado.
    Teve aqueles que foram mais além e gravaram vídeos, que acredito que não serão punidos também pois além do presidente do TSE a diretora  do TRE do Rio de Janeiro (Adriana Brandão) alegou que não existe punição prevista para tais práticas pois a proibição do uso do celular é visando evitar a coação dos eleitos.
     Seguem abaixo algumas fotos e vídeos da pratica acima mencionada.








video


Jefferson Ribeiro

Nenhum comentário:

Postar um comentário